quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Nem tudo são flores


Nem tudo são flores na vida de um casal liberal.
Saber compartilhar, sem deixar o ciúme tomar conta, não é fácil. Dividir ao invés de aprisionar.

Desde o início, compartilhamos nossas fantasias e desejos. Tanto quando estavam ainda no plano das ideias como também na realização delas. Menàges e swings fizeram e ainda fazem parte disso, mas nem sempre dá certo com a participação dos dois.

Saber que o amor da sua vida tem outros(as) parceiros(as) é uma coisa. Mas o ver transando com outra pessoa é bem diferente...

Já aconteceu de irmos pro swing e ficarmos com outros parceiros, mas em separado.  Mesmo assim, o fato de um ver o outro com outra pessoa, é uma imagem que às vezes nos persegue por algum tempo, talvez pra sempre. O mesmo acontece no menàge.

Aí, me pergunto: Por que isso acontece? Não deveria incomodar tanto ver a pessoa trepando com outra, se isso nos excita e se foi uma decisão tomada de comum acordo, num mundo onde o ciúme não tem (ou não deveria ter) vez.

Derek me viu trepando com outras pessoas algumas vezes. Em todas, disse ter ficado extremamente excitado e volta e meia lembra quando estamos juntos na cama, comentando o quanto gosta de ver sua putinha safada com outro. Mas, quando é pra ele participar, seja no ménage masculino, seja na troca de casais no swing, não dá certo. Não rola. Ele sai com outras parceiras, comigo é maravilhoso, mas na hora de me ver com outro homem, ele trava. Diz que não é ciúme, mas trava. E mesmo assim, ele às vezes diz que quer repetir a dose...rss

De minha parte, já o vi com outras e encarei numa boa. Acho super excitante o ver transando com outra mulher. Tanto quando só vi de longe, quando como participei. Sei que ele transa com outras sem mim e só me incomodo com fatores “logísticos”, ou quando ele quebra algum acordo, alguma de nossas combinações. Ah, sim...também me incomoda um pouco se alguma parceira dele se torna muito frequente. Já me perguntei se é ciúme, lógico! Mas acredito que é apenas o instinto de “preservação familiar”.

Por outro lado, Derek diz não se incomodar desde que optei por um parceiro frequente. Apenas diz pra eu tomar cuidado pra não me machucar. Já com esse parceiro, minha insegurança é tanta que às vezes tenho crises de ciúme. E como me incomodou quando o vi trepando com outra mulher...rss

Vai entender! São coisas que eu acho que estão além do nosso entendimento. Quis contar esses detalhes para que os leitores possam ver que nem tudo são flores, sempre, no mundo liberal. Cada casal tem suas regras internas, combinações, muita conversa...e ainda assim, acontecem coisas imprevistas e inexplicáveis!

O importante é manter a transparência e conversar sempre, muito, sobre tudo isso. Se nós não conversássemos tanto, não estivéssemos juntos nisso tudo, era melhor ter desistido logo no início. Mas estamos aí. E ainda virá muito pela frente! J

8 comentários:

LÁBIOS DE ANA (MARIAH) disse...

Sds de ler vc aqui!!!
Certeza eu tenho de uma coisa, se realmente o casal não conversar muito sobre isso a relaçao não sobrevive.
Que bom vc esclarecendo e nos mostrando um pouco do que é ser um casal liberal, as vezes é bom saber das experiencias de quem optou por aventuras assm, ou uma relação bdsm, tanta coisa boa e que pode ajudar a tirar a duvida da gente em todos os assuntos...
Muito bom vc dividir um pedacinho de vcs com a gente, bjinhos!

{princess kitty}龍戦士 disse...

Oi Querida!

EXCELENTE texto! Com certeza nos leva a refletir sobre todos esses pontos dentro de uma relação liberal.

Muito interessante entender como funciona a dinâmica de vocês, como casal, os pequenos ciúmes e a confiança que tem um no outro.

Eu e meu Dono conversamos muito, sobre tudo e nos conhecemos muito bem também.
Claro, a minha relação é outra, totalmente diferente, meu Dono é muito possessivo e ciumento, e eu gosto que seja assim, isso me excita rsrs. Ontem mesmo nós conversávamos sobre isso, pois muitos Dominadores tem o fetiche de emprestar a sub para outros, meu Dono sempre afirmou que respeita a prática, mas não é para Ele, Ele sempre deixou bem claro que enquanto eu pertencesse a Ele, serviria exclusivamente a Ele, que Ele jamais me emprestaria ou iria querer me ver com outro. Eu confesso que quando entrei no BDSM tinha interesse nessa prática, mas ele me fez mudar de idéia e hoje tbm não gostaria mais. Daí vem a outra questão, os Dominadores podem teoricamente terem quantas submissas quiserem, mas meu Dono sempre deixou bem claro para mim que eu não teria irmãs de coleira, porque Ele tbm não quer, pois Ele gosta de cuidar, dar muita atenção e Ele vê a situação de irmãs de uma maneira diferente. Até já pedi pra Ele escrever um texto no blog sobre essa visão Dele que eu acho muito interessante.

Mas eu sinto muita vontade de ter uma experiência de menáge com Ele, com alguma submissa amiga, porque eu nunca tive experiência com outra mulher e tenho curiosidade. Mas ainda estamos muito longe disso acontecer de verdade, temos outras prioridades na nossa relação, e como Ele mesmo diz Ele quer ter certeza que eu não ficarei com ciúmes. E também tem que ser a pessoa certa. Mas eu já imaginei a cena e não me vejo com ciúmes, me vejo me divertindo isso sim rsrs.

Mas o essencial é em que cada relação, independente do modelo, seja liberal ou BDSM, ou um misto das duas coisas, exista MUITA conversa, confiança e principalmente cumplicidade para conseguirem satisfazerem os desejos de ambos sem se magoarem.

Mas uma vez, excelente texto!

Muitos miaubeijos com muito carinho =^.^=

{Mansinho}_da Loirinha disse...

UM POST QUE RECORDAREI SEMPRE! NOTA 1.000! Na minha opinião até deveria ter um destaque lá em cima, do lado de Navegantes pelo Brasil, de tão completo!

A PARTE mais importante do post é "...Cada casal tem suas regras internas, combinações, muita conversa...e ainda assim, acontecem coisas imprevistas e inexplicáveis!..."

Já lhes conhecendo e sabendo de muitos detalhes de uma relação tão linda, resta-me dizer, PARABÉNS pela cumplicidade e psicologia, e pelo AMOR subliminar e intenso descrito em cada palavra, ponto e vírgula.

Que sirva de alicerce p/ os que estão começando e p/ os que estiverem em crise, porque existe crise SIM, no mundo liberal...

O título é PERFEITÍSSIMO TAMBÉM: "Nem tudo são flores!" Com amizade, sinceridade, cumplicidade e compreensão, as flores desabrocham mas, espinhos, dias ensolarados demais e chuvosos demais, sempre haverão....

Vou me abster de falar de W. rsrsrs porque, não quero falar, se falar, pode parecer que estou "falando mal" rsrsrsrs de alguém que NÓS amamos muito, E TAMBÉM porque minha Dona me proibiu de falar kkkk E MAIS: Ainda mais com uma big surpresa que Ele preparou um dia desses rsrsrs.... mas, não estarmos nos intitulando UM TRIO, tem e muito, haver com muitas coisas descritas aqui, falarei pois, somente de mim e minha Dona, e de certo perceberei rápido que, comecei a falar dos 3 sem querer rsrs mas, vamos lá rsrs:

{Mansinho}_da Loirinha disse...

Todos que nos conhecem estão "carecas" de saber que Loirinha é ciumenta. A maneira como ela lida com seu ciúmes com Ele é uma, e a maneira como Ela lida comigo é outra, com Ele é seguindo o "ABC do swing" (que também é MUITO relativo), logo porque e também, Ela sabe que Ele "tem outras", e ele é livre... seu ciúmes sempre nasce do "instinto de preservação familiar" que citou, e de posse também rs, como eu sou masoquista à um extremo absoluto, Ela "deita e rola e manda" em mim E EU ADORO! Em outras palavras seu ciúmes me dá prazer e me faz MUITO bem, eu peço TUDO para Ela, uma única coisa que eu faça, desapercebido, sem comunicar, é MOTIVO de algumas "chicotadas" rs, TODAS as pessoas que converso são autorizadas e supervisionadas por Ela... E EU SOU MUITO FELIZ BUTTER! Isso p/ mim é o ápice do prazer, ter que ficar pedindo, explicando, as vezes implorando rs, ME EXCITA demaaaais, dizer que não gosto de swing é dizer que, meu prazer é realmente fazer suas vontades, Ela tem tanto poder sobre mim que, raras vezes abusa kkkk, nosso SSC É INTUITIVO, lembrei da Miau falando que não precisava com seu Dono de "código" algum... a DIFERENÇA É QUE AS VEZES, raras vezes ela "passa da conta" rssrsrs, ai vem uma DR MAS, é raro.... AMOOOOOO SER SOMENTE DELA, FAZER O QUE ELA QUER, COMO QUER, com quem quiser VÍRGULA KKKKK (já já explico rsrs...)
Em 12 anos Ela virou para mim e me presenteou com: "-Você quer tocar e ser tocado por Fulana? E por cicrana? Aaaaa vc VAI comer Beltrana, você quer?" APENAS 3 MULHERES BUTTER! Eu disse QUERO... Se eu tivesse tido vontade com outras falaria, mas, minhas vontades são suas vontades... MEU PRAZER GIRA EM TORNO DE SER POSSE... Eu sou um caso clássico e raro de submissão extrema rsrsrs...

Explicando o "COM QUEM QUISER VÍRGULA:" ELA ERA A LOIRINHA DOS MUITOS antes de W kkkkk... E EU ADORAVAAAA ISSO... Depois de W eu mudei... Virei tão fã do cara, passei a amá-lo (fraternalmente) de um jeito, que eu passei a SÓ QUERER ELA COM ELE... Por vezes pensava (e penso) que, entre eu e ele comendo, se for só um: Ele a comerá! Minha cabeça começou a aprovar só homens com Ela que, Ele aprovasse em swings rsrsrs... E quando eles se separaram e veio o Sr. Espantalho rsrsrs... NÃO FOI AUTOMÁTICA A "MUDANÇA" kkkkk... Mas enfim rsrsrs... HISTÓRIA que lamento ter acabado tão cedo..... E vooolta Wolvie rs..... NUNCA SENTI CIÚMES DELE COM ELA BUTTER...

MEDO DE PERDÊ-LA? Se eu a perdesse para "outros" COM TODA CERTEZA EU ME AUTO-DESTRUIRIA... Se eu a perdesse para Ele? A perderia sofrendo mas, ao mesmo tempo feliz, pelas 2 pessoas mais importantes para mim, ESTAREM FAZENDO O QUE QUEREM!

É um troço tão "doido" que, lembra uma cama com uma jaula na parte debaixo? Que postei no extinto-facebook? Meu sonho de consumo! Dormiria TODOS os dias lá dentro, trancado e feliz, e os 2 EM CIMA AGARRADINHOS... Se Ela viaja sozinha EU SOFRO, mas fico feliz se é o que Ela quer, agora, se Ela viaja com Ele AAAAAAI SIM EU FICO MUITO FELIZ, ESPERANDO POR ELES...

De uma coisa eu tenho certeza, CIÚMES, com muito ou pouco, existe no mundo liberal, no mundo BDSM, em um trio, no mundo baunilha então rsrsrs... E É 1 "BICHINHO" que, se não souberem cuidar, vira um monstro....

MORAL DA HISTÓRIA: COMO BEM DISSESTE, FECHANDO COM CHAVE DE OURO: E QUE VENHA MUITO MAIS! Olha... Acho que até VOU levar da Nau para nostra Casa hehehhehe....

Nãooo vou falar, não vou falar, não vou falar rsrsrsrsrs... JÁ FALEI: VC SABE QUEM SÃO AS 3 MULHERES NÉ KKKK?
VOCÊ!!!!! LINDÔNIKA & SRA. LÚCIFER! Tudo bem Derek kkkkkkkkkkkkk?????

#adorovocês! MUITO!

Beijos e abçs mansos...
Inté...

Sophysticada disse...

Kerida Sexy,

Vou confessar q sou um poço de ciumes, se tiver com um cara q "não me importo" eu topo tudo. Mas se ele for alguém "especial" a coisa complica...
Não sei o q acontece dentro de mim. Então defino a vida assim tem coisa q é de dois e somente de dois e tem outras q é do mundo... Diferenciar é uma arte.

Meu Jesuis agora vou ter q ler o Mansinho! Não quis ler antes de postar meu comentário pq se não virava o comentário do comentário e ai é muito troca troca, rs

Eroticamente (In) Correto disse...

Eu admiro pessoas que conseguem explanar o que realmente carregam no âmago. Em qualquer instância de nossas vidas sempre haverão dilemas, dúvidas, incertezas, inseguranças. É exatamente isto que nos torna tão humanos. Não somos máquinas e o que é belo hoje, amanhã pode não ser, ou vice-versa.
Grande post novamente (estou me tornando repetitivo), serve de norte a tantos e tantos que recém estão ensaiando novos voos.
Parabéns miguxinha!


Beijo do In_

Sexy Butterfly Borbs disse...

Eu queria responder os comentários, um por um...mas não sei porque cargas dágua o Blogger não me dá essa opção...rsrs

Agradeço a cada um não só pelos elogios, mas pela troca de opiniões que foi feita aqui. É isso que eu tanto gosto no DB, o debate de opiniões.

Mariah, querida, minha intenção foi justamente essa...mostrar os prós e os contras da relação liberal. Aliás, tem muita coisa ainda que pode ser explorada nesse tema!

Kitty me fez pensar em como isso tudo se encaixa no mundo BDSM...algo que DD e eu tentamos levar do nosso modo, sem seguir as regras pré estabelecidas, um modelo só nosso... e acho que até pode render um texto qualquer hora dessas.

Mansinhoooo...vc ilustrou muitíssimo bem algumas coisas em que dei apenas leves pinceladas. E...vc leu "As duas" lá no Casulo? rsrs
Agora que eu sei que sua Dona Loirinha permite...rsrs O que é seu tá guardado! kkkkkkk

Vc disse bem, Sophys...Tem coisa que é de dois e coisa que é do mundo. O problema é que não vem com etiqueta...nós temos que ir experimentando pra saber o que pode/não pode, o que dá certo ou não. E esse experimentar tornou minha vida bem mais interessante...rs

Capetão In_Correto... Suas palavras nunca serão repetitivas pra mim! Nada mais gratificante do que ser admirada por quem admiramos!

Muitos beijos borboléticos pra vcs todos!!!

Ayesk@ disse...

kkk Amiga Borboletinha Sexy, demorei , mas cheguei!!!

Aaa quem me conhece sabe que sou ciumentaaa!!!
Uma Cherrybomb!!!
E não adianta, se é especial para mim, sou mesmo!!!rsrs
Não dividooo!!!kkk

Nessa parte sou egoísta!!!Mea culpa...

Interessante isso, pq acho que no fundo faz parte do ser humano: incertezas, ciúmes, possessividade, insegurança...

Alguns podem alegar que não sentem tais emoções, mas, até aparecer "aquela pessoa"...não adianta, somos humanos!!!rsrs

Amiga, adoro te ler e concordo esse Blogger também as vezes me deixa na mão...

Nem tudo são flores...em qualquer tipo de sentimento, em qualquer tipo de relação...

Beijos doces carinhosos e saudosos de vc e desse pessoal Hot MQTDB do DB!