domingo, 19 de fevereiro de 2012

Carnarock! (por Derek Dick)

Chegou o carnaval. Derek , como bom roqueiro não curte desfile de escola de samba, baile de carnaval ou trio elétrico. Pensou em simplesmente ficar em casa assistindo uns filmes e vídeos de rock.
Era sábado à noite, e ele assistia a um show do Pearl Jam em comemoração aos 20 de anos de carreira. Foi quando tocou o telefone. Uma amiga convidando para um show de rock numa casa em Moema. Ela não queria ir sozinha.
Meia hora depois Derek estava numa mesa com Renata, bem na frente do palco. Pediram umas cervejas.
Conforme conversavam Derek começou a reparar na amiga. Eles não se viam há quase um ano e ela havia mudado bastante. Estava muito bonita. Usava uma blusinha de amarrar no pescoço e uma saia muito curta.
Renata o pegou com os olhos em suas pernas, e disse:
- Gostou?
Com o som já rolando Derek chegou pertinho do ouvido dela para responder:
- Não devem ser suas de verdade...- e dizendo isso colocou a mão sobre a coxa dela, e apertou como para se certificar que eram reais.
Renata virou-se na direção de Derek e o beijou demoradamente na boca, dizendo:
- E esta boca, você também acha que não é real?

Enquanto se beijavam, Derek sentiu outras mãos abraçando-o por trás e ouviu uma voz familiar:
- Sabia que eu encontraria vocês por aqui! Acho que é o único lugar da cidade pra ouvir rock em pleno carnaval.
- Camyla? Que bom que você veio! – disse Renata. Você não retornou meu recado...achei até que estava fora da cidade.
Derek se lembrava bem de Camyla. Uma mestiça oriental com quem já tinha saído algumas vezes há uns anos atrás. Ele só desconhecia que as duas fossem amigas.
Camyla estava com um micro-vestido preto que deixou Derek ligado.
A noite rolava gostosa, junto com os baldes de cerveja que iam e vinham da mesa deles. Depois de umas duas horas de show os três já estavam altos de cerveja.
Derek, que estava no meio das duas, beijava Renata, enquanto passava a mão do outro lado nas pernas de Camyla.
De repente ele sentiu algo no braço seguido de um som de “click”.
- Então quer as duas, é isso Sr Derek? – disse Camyla prendendo a outra ponta da algema em seu próprio punho.
Derek se assustou. Renata riu. Resolveram sair do bar. Camyla o abraçou para disfarçar a algema e foram para o carro de Renata.
Camyla entrou com Derek no banco de trás, onde agilmente modificou a situação com as algemas deixando Derek com os braços pra trás preso no encosto do banco traseiro.
Depois disso, saindo do carro, mudou-se para o banco do passageiro, e disse a Renata que dirigisse bem devagar pelas ruas de Moema.
Ele não conseguia descobrir se as duas tinham combinado algo antes ou se tudo estava sendo espontâneo.
Camyla pediu que Renata entrasse numa rua à direita e logo pararam o carro. Ela começou a beijar Renata, enquanto olhava para Derek.
Sabia que aquilo o excitava e puxou Renata contra seu pescoço. Ela também demonstrava gostar e passava as mãos pelo corpo da amiga.
Voltaram a dirigir e logo depois entraram num Drive-In.
Já na cabine, as duas passaram para o banco de trás, deixando Derek novamente no meio delas. Passando por cima dele, se beijavam. Renata tirou o vestido de Camyla, revelando que ela usava somente uma mini-calcinha vermelha.
Renata chupava com força o mamilo da amiga que resolveu dar o outro ao algemado Derek. Enquanto recebia as duas bocas, usou as mãos livres para  libertar Renata de sua blusinha..
Em seguida as duas resolveram que era hora do algemado trabalhar, e abriram sua bermuda, descendo-a totalmente. Caíram de boca em seu pau que já se apresentava duro e babando.
Sugaram e chuparam ao mesmo tempo, sob protestos de Derek para que fosse solto e pudesse interagir mais.
Camyla respondeu cuspindo no pau dele e, afastando a calcinha com a mão, sentou no caralho latejante.
Derek sentiu toda a umidade daquela bucetinha oriental, enquanto Renata se masturbava com a cena e dava-lhe o peito pra ser chupado.
Camyla cavalgava Derek e quando Renata percebeu que ela iria gozar, deu-lhe uns tapas na bunda que a fizeram gozar e gritar como louca.
Em retribuição Camyla levou Renata ao êxtase com sua boca. Deu-lhe um banho de língua completo. E por fim enfiou-a na xana toda melada, fazendo-a gozar. Tudo isso sobre o colo de Derek.
Ao final, se olharam e voltaram a cuidar do pau de Derek. Depois de se alternarem em lambê-lo todo, Camyla começou a bater uma punheta com força.
Derek se contorcia e continuava pedindo para que soltassem seus braços. Parou, quando ouviu Renata lhe dizer:
- Dá seu leitinho pra mim, DD!
Camyla sorriu maliciosamente e disse:
- Vou fazer esse cacete te encher de leitinho, Rê....
E nesse momento Derek sentiu e viu seu pau esporrar violentamente enchendo a boca dela com seu gozo.
Camyla deu mais uma sugada para tirar até a última gota e as duas se beijaram dividindo o fruto de sua primeira noite do Carnaval.
Soltaram Derek, que aí já não tinha forças, e ficaram os três abraçados por um longo tempo, se acariciando.
Camyla disse a amiga:
- E o carnaval está só começando...temos ainda muitos dias pela frente...

************************************************
Leiam outras aventuras de Derek também no blog:


10 comentários:

Camis disse...

Muito sexy seu conto Derek...
Acho q te devo uma aposta. Fiquei, muito excitada com a fantasia toda.
bj

LEO disse...

Ola delicinhas!
Sempre tesudo esse blog, que acompanho já faz algum tempo!
No aniversário do SeximaginariuM, passando aqui para agradecer a parceria, por sempre participarem no meu blog!
BJSSS
LEO
4 anos de
www.seximaginarium.blogspot.com
venha participar da festa!

SexyButterfly disse...

Interessantíssimoooooo...............

Um belo trio - Camyla, Derek e Renata.
Uma bela situação... instigante, estimulante...
Um Carnarock tudo de bom!!!!

Beijos borboléticos!

LadySiri disse...

Derekinho! Perfeito CARNAROCK! ...E com direito a algema e tudo!!! Ai ai uiii...amei, rsrs...

Bjks

SenhoraLúcifer disse...

Uia!
Mas essas moças foram tão generosa com você DD.
Muito bom e bem acompanhado o seu carnarock...
Beijos gulosos em você.

Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Dorei Fobofílica Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Excitante, Derek, embora eu prefira ser eu a algemada... rsrs

Beijos e bom Carnarock para voces!

Alicinhabh disse...

Hummm que delicinha Derek , o homem termometro assanhado como sempre srsrsrs adorei as imagens, beijinhossssss

Sophysticada disse...

Arrepiou a pele!

Bjk@s

Derek Dick disse...

Obrigado minhas lindas marujas...vocês são minha inspiração...

Bjos
DD

Eros e suas experiências. disse...

Ebaaaaaaaaaaaaa voltei de férias e ja vejo que os contos estão cada vez melhor depois vou postar umas coisas que vi e fiz na praia aguardem pessoal.

Adorei o conto.


Beijos e abraços