domingo, 26 de fevereiro de 2012

Divã (por Derek Dick)

     Derek pensava em sexo da hora em que acordava até quando ia deitar-se. E dormindo sonhava também com sexo.

Estava com 40 anos, vida sexual ativa mas encanou que isto não devia estar certo e resolveu procurar ajuda profissional.

Pediu indicação a uma amiga e acabou marcando com uma psicóloga no último horário que ela tinha naquela 5ª feira a noite.

Logo depois que a recepcionista o atendeu, pedindo que ele aguardasse no sofá, lhe ofereceu água e café e avisou que a doutora em breve o chamaria e que ela mesma já estava de saída.

Logo a Dra. Adriana o chamou.

Derek ficou preocupado. Sua amiga não tinha contado que a psicóloga era uma gata. Morena de olhos verdes, aparentava ter uns 35 anos.

Derek sentou-se no divã e começaram a conversar um pouco sobre ele e o tal problema que estava lhe incomodando.

- Doutora, a senhora precisa me ajudar!

- Vamos começar combinando que você não deve me chamar nem de doutora nem de senhora, ok? Me chame de Drika.

Dito isso ela o fez deitar no divã e colocou sua poltrona no lado que estavam seus pés. Mandou ele tirar os sapatos para que ficasse bem relaxado.

- Conte-me como é seu dia-a-dia e me dê detalhes relacionados a seu problema com sexo.

Derek começou a narrar a última semana, começando pela aventura no hotel e terminando no bar de rock .

No meio da narrativa, Derek notou que Drika começara a suar. Percebeu também que sua mão que anotava algo no bloco estava trêmula.

- Está tudo bem, Drika? Você está suando....

- Está sim...ótimo...mas não pare...continue a contar...com todos os detalhes que lembrar.

Derek contava olhando pra cima pois o divã propiciava isso – olhar para o teto como refletindo os pensamentos.

Quando voltou seus olhos novamente para Drika, a encontrou de olhos fechados, calcinha arreada nos tornozelos e se masturbando por baixo da saia.


- Então, Drika...é isso que acontece comigo...tem remédio?


Ela abriu os olhos, e levantando-se foi em direção a Derek. Ajoelhou-se sem dizer nada e abriu o cinto e em seguida o botão e o zíper da calça. Com as duas mãos procurou desesperada até encontrar o pau que já estava duro.

Trouxe-o para fora e o engoliu, chupando-o com vontade.

Depois tirou toda a roupa dele e levantando sua saia com as mãos sentou-se sobre ele.
Drika cavalgava Derek sobre o divã. Ele a segurou pela cintura aumentando a força das estocadas e sentindo a buceta molhada dela escorrer pelo seu pau e molhar suas coxas e o saco.

Ela gritou, gozando ruidosamente. Sabia que não havia mais ninguém no consultório.
Derek sentou-se, ainda mantendo seu pau dentro dela, e arrancou-lhe a blusa deliciando-se com seus peitos fartos. Mordia, lambia e chupava com vontade.

Ela recomeçou a rebolar sobre seu pau, mas antes que pudesse gozar novamente, Derek colocou-a de quatro no divã e ficando de pé no chão meteu sem dó. Ela o olhava por sobre o ombro enquanto sentia o pau indo fundo.

Drika gozou novamente nessa posição com ele segurando e puxando seus cabelos. Derek aproveitou que seu pau ficara bem lambuzado para enfiá-lo no cuzinho da psicóloga.

Aí sim ela passou a gritar ainda mais alto e Derek deu-lhe uns tapas na bunda aumentando a barulheira da transa. Enfiava o caralho naquele buraco apertado que aos poucos ia se alargando para ele. Ela sentindo dor e prazer gemia.

Ele gozou assim no cuzinho de Drika que ficou escorrendo sua porra. Ele se sentou e Drika fez questão ainda de chupar-lhe as ultimas gotas que escorriam de sua cabeça.

Deitaram abraçados no divã e foi somente aí que Drika disse algo:

- Seu caso tem cura, mas você precisará de um tratamento intensivo! Quero você aqui neste mesmo horário todas as 3as. e 5as. feiras.


12 comentários:

SexyButterfly disse...

Com absoluta certeza, essa "psicóloga" tem mais problemas que vc, querido Derek....
Hahahahaha!!!!!
Perfeito!

Beijos borboléticos!

Sophysticada disse...

Derek!

Nossa vc tem probelmas? sei não, rs

Bjk@s

Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Dorei Fobofílica Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Eu concordo com a Borboletinha, ela tem mais problemas que voce. kkkkkkkkkk

Beijos, querido!

LadySiri disse...

Derek meu filho! Mas o que é isso?!! Essa "colega" tá a perigo coitada, rs...Os dois, já marcar uma consulta comigo! kkkkkk

Beijos de domingo!

JK disse...

Meu querido!!!

Esqueceu de colocar no final:

"Acordei imaginando, como seria bom, se fosse verdade!!!"

Kakaka

ADOREI!!! CURTO E DELICIOSO...
GOSTO DE CONTOS ASSIM... CONTOS LONGOS NÃO ME ATRAEM!!!

PARABÉNS! QUERO UM PSICÓLOGO DESTES PARA MIM!!!

Eros e suas experiências. disse...

Caro amigo Derek,

Você é um psicopata rsrsrsrsr brincadeira muito bom conto, concordo com JK quando acordou correu para o banheiro rsrsrsrs, como sempre excitante.

Beijos e abraços carinhosos

Eroticamente (In) Correto disse...

Amigo e oficial Derek. Acho que vc está bem encaminhado, com um tratamento desses vc talvez não se cure (pode ser crônico), mas com certeza irá amainar um cadinho os sintomas do dia a dia. Como seu Capetão, recomendo continuar visitando o divã da Drª., e se não for pedir demais, manda o endereço dela prá mim por e-mail,...kkkkkkk



Abs. do Capetão!

http://contoseroticosdeayeskaeamigos.blogspot.com disse...

kkk
DD...kkk
Mas, nem a psicóloga!!!! kkk
Querido DD, continua assim...aprontando sempre, adoro ler suas aventuras e proezas safadinhas!!!rsrs
É inspirador!!rs

Beijos doces carinhosos da sua amiga branquinha, hoje e sempre!


Ayesk@

princess kitty disse...

Miauuuuu!!!

Acho que vou procurar um psicológo assim para um tratamento intensivo tbm rsrs.

Adorei, você é sempre muito excitante nos seus contos :)Nem preciso dizer que a parte do anal e dos tapas foi a minha favorita, né?

Miaubeijos com carinho =^.^=

Derek Dick disse...

Meus caros...quisera eu que tudo não passasse de sonho ou imaginação...

Qualquer dia desses conto-lhes o que está por trás...mas isso só posso fazer ao vivo na mesa de um bar...rsrsr

DD

Deh... disse...

Uau.... que mulher mais tarada!!!
Onde fica mesmo o consultorio dela???

Delicia esse conto!!

Bjssss meu Roqueiro Preferido

LÁBIOS DE ANA (MARIAH) disse...

Adoro seus contos são excitantes, envolventes e quentes muito quentes! Bjinhos